Custos de produção do leite subiram 10 vezes mais do que o preço pago aos agricultores

mar 27, 2013   //   de admin   //   Blog, Mercado, Notícias  //  Nenhum Comentário

O preço das rações, um dos principais custos de produção do leite, aumentou 6,6% entre 2005 e 2011, dez vezes mais do que o preço pago aos produtores, segundo um relatório do ministério da Agricultura.

O relatório “Índices de Preços na Cadeia de Abastecimento Alimentar”, produzido pelo Gabinete de Planeamento e Políticas (GPP) e datado de dezembro de 2012, sublinha que “esta evolução revela a incapacidade de refletir as grandes subidas dos custos inerentes à atividade agrícola nos anos mais recentes, traduzindo-se numa diminuição das margens ligadas à produção”.

Segundo o documento, os preços do leite cresceram 0,7% em média anual, enquanto os preços da alimentação animal aumentaram 6,6% em média, acompanhando a tendência de subida dos cereais, um setor caracterizado por grande volatilidade.

Já os preços do leite na indústria (leite embalado à saída da fábrica e indústria dos lacticínios) evidenciaram uma melhoria face aos preços do leite no produtor, com uma média anual de 1,1 e 1,9%, para a indústria de lacticínios e leite embalado, respetivamente)

Quanto ao preço do leite no consumidor verificou-se “uma ligeira deterioração”, com um crescimento de 0,3% ao ano.

O estudo destaca que, a partir de 2008, os preços associados à fileira cresceram de forma significativa, tendência que se inverteu em 2009, “com uma queda acentuada dos preços no produtor e no consumidor, com exceção do preço na indústria que se manteve estável”.

No período pós-2008, o comportamento dos preços para produtor e consumidor foram inferiores à inflação, refletindo a crescente importação do leite em Portugal, que aumentou quase 27% entre 2005 e 2011 (4,1% em média anual).

“Este período coincidiu com o consumar da abertura do mercado de aprovisionamento do leite de origem não nacional”, destaca o documento do GPP.

O relatório conclui ainda que, nos últimos anos, verificou-se em Portugal um crescimento dos preços da fileira do leite “tendencialmente inferior à inflação”, para o produtor e consumidor, contrariando a tendência observada na União Europeia (UE27), onde os preços do leite acompanharam a inflação.

Fonte: http://www.rtp.pt/noticias/index.php?article=630241&tm=6&layout=121&visual=49

 

Deixe um comentário

CAPTCHA Image

Reload Image

Assine nossa Newsletter

Arquivos