Câmara do Leite se reúne para propor medidas contra novas fraudes

mai 21, 2013   //   de admin   //   Blog, Mercado, Notícias  //  Nenhum Comentário

A Câmara Setorial do Leite, entidade vinculada ao Ministério da Agricultura que engloba representantes de órgãos públicos e produtores, realizou nesta segunda-feira (13) uma reunião extraordinária na sede da Secretaria da Agricultura do Rio Grande do Sul, em Porto Alegre. Segundo o governo estadual, o objetivo do encontro foi avaliar o prejuízo que a fraude do leite causou ao setor de produção e propor medidas para evitar que novas irregularidades atinjam o setor.
Na semana passada, a operação Leite Compensado, conduzida por Ministério Público e Ministério da Agricultura, revelou que transportadores adicionavam água e ureia ao leite cru antes de repassá-lo às indústrias para aumentar o volume e lucrar mais.

O secretário de Agricultura do Rio Grande do Sul, Luiz Fernando Mainardi, afirmou que a revelação da fraude demonstra que o sistema de produção e transporte do produto deve ser avaliado. “Precisamos virar a página e resgatar a credibilidade do setor. O nosso sentimento é de construir uma reação forte para comprovar a qualidade do nosso leite”, disse.
O secretário propôs que as equipes de fiscalização sejam reforçadas e que o Rio Grande do Sul adote as normas previstas na Instrução Normativa 62 do Ministério da Agricultura para regulamentar a produção e a qualidade do leite. Mainardi propôs também a ampliação do crédito às indústrias que fiscalizarem o produto com base no Sistema Brasileiro de Inspeção de Produtos de Origem Animal (Sisbi-POA).
Segundo o governo, outras medidas devem ser negociadas diretamente com os integrantes da Câmara Setorial. O objetivo é anunciar as mudanças na abertura da Expoleite, marcada para o próximo dia 16, no Parque de Exposições Assis Brasil, em Esteio, na Região Metropolitana de Porto Alegre, onde o evento será realizado de 15 a 19 de maio.
O representante da Organização das Cooperativas do Rio Grande do Sul (Ocergs), Gilberto Piccinini, afirmou que o momento deve ser aproveitado para que os erros sejam corrigidos. “Ao invés de destacar culpados precisamos aproveitar o momento para organizar a cadeia”, disse.
Resultados da operação do MP
A Operação Leite Compensado, desencadeada na última quarta-feira (8), teve como consequência a retirada de lotes de sete marcas do mercado (veja lista aqui), a interdição de três postos de resfriamento e de uma fábrica em Estrela. Sete pessoas ainda estão presas. Destas, seis já foram ouvidas em Tapera. Cinco delas ficaram caladas e só vão se manifestar em juízo. Duas haviam sido liberadas após os depoimentos.
Apesar de não estarem envolvidas na fraude, as indústrias serão chamadas pelo MP nos próximos dias para dar explicações sobre os testes feitos nos produtos recebidos. Quatro inquéritos civis investigam a responsabilidade das empresas Italac, Mu-Mu, Líder e Latvida, esta última interditada na quinta-feira (9). A Latvida também produzia o leite das marcas Goolac, Hollmann e Só Milk, que também tiveram lotes recolhidos por contaminação com formol.
A intenção da promotoria é regular o controle por parte da indústria sobre os produtores os transportadores e obter informações sobre como são feitos os testes de qualidade do produto. Para o MP, as indústrias falharam ao não identificar a adulteração no produto recebido.
Quem tiver embalagens fechadas dos produtos dos lotes não recomendados para consumo deve guarda-los e comunicar Ministério Público pelo e-mail consumidor@mp.rs.gov.br.

Confira a lista dos produtos não recomendados
Leite Líder – UHT Integral
SIF 4182 – Fabricação: 17/12/12
Lote: TAP 1 MB
Leite Italac – UHT Integral
Goiás Minas – SIF 1369
Fabricação: 30/10/12 – Lote: L05 KM3
Fabricação: 5/11/12 – Lote: L13 KM3
Fabricação: 7/11/12 – Lote: L18 KM3
Fabricação: 8/11/12 – Lote: L22 KM4
Fabricação: 9/11/12 – Lote: L23 KM1
Leite Italac – UHT semidesnatado
Goiás Minas – SIF 1369
Fabricação: 5/11/12 – Lote: L12 KM1
Leite Mu-Mu – UHT Integral
Vonpar – SIF 1792
Fabricação: 18/01/13
Lote: 3 ARC
Leite Latvida – UHT Desnatado
VRS – Latvida – CISPOA 661
Fabricação: 16/2/2013 Validade: 16/6/2013
O MP não divulgou o número do lote
Leite UHT Semidesnatado
VRS – CISPOA 048/661
Marca: Latvida
Lote 190 – Fabricação: 2/4/2013
Lote 193 – Fabricação: 5/4/2013
Lote 103 – Fabricação: 18/4/2013
Leite UHT Desnatado
VRS – CISPOA 037/661
Marca: Só Milk e Latvida
Lote 188 – Fabricação: 4/4/2013
Lote 198 – Fabricação: 10/4/2013
Lote 202 – Fabricação: 11/4/2013
Lote 104 – Fabricação: 15/4/2013
Leite produzido em 16/2/2013, com validade até 16/6/2013
Leite UHT Integral
VRS – CISPOA 036/661
Marcas: Hollmann, Goolac, Só Milk, Latvida
Lote: 103 – Fabricação: 1/4/2013
Lote: 184 – Fabricação: 3/4/2013
Lote: 189 – Fabricação: 4/4/2013
Lote 190 – Fabricação: 5/4/2013
Lote 196 – Fabricação: 9/4/2013
Lote 200 – Fabricação: 10/4/2013
Lote 201 – Fabricação: 19/4/2013
Lote 202 – Fabricação: 20/4/2013
Lote 204 – Fabricação: 21/4/2013
Lote 205 – Fabricação: 22/4/2013

Deixe um comentário

CAPTCHA Image

Reload Image

Assine nossa Newsletter

Arquivos