Gestão e Qualidade

Gestão

A Fazenda Fazendão está sempre buscando aumentar sua eficiência e para isso participa de vários projetos como:

 Balde Cheio
 Vaca Móvel
 Projeto Leite MS
 Projeto Maxileite
 Programa de Combate a Brucelose e Tuberculose

Balde Cheio

O projeto que capacita os produtores de leite  com transferência de técnicas  para baratear a produção melhorando os ganhos, reduz a área de criação, além de diminuir o impacto ambiental.

O gerenciamento da propriedade, através da anotação e avaliação sistemática das informações geradas na propriedade permite o controle que garante ao produtor e técnico a identificação de problemas e pontos a serem atacados para a máxima geração de renda na propriedade.

Vaca Móvel – Laboratório Móvel de Qualidade do Leite.

O principal objetivo da Vaca Móvel é maximizar os resultados da produção leiteira.
Através de processos que organizam e gerenciam a produção, aliados à ciência e à alta tecnologia, as propriedades atendidas ganham em:

  • Maior PRODUÇÃO
  • Mais QUALIDADE
  • Melhor GESTÃO

A Vaca Móvel agrega a seus beneficiados um completo Programa de Desenvolvimento Tecnológico da produção leiteira.
Composto por Equipe Técnica, Agilidade de Soluções e exclusivo Controle de Gestão e Projetos via Internet — o Project Trace —, a Vaca Móvel traz segurança e tranquilidade aos parceiros envolvidos e ao produtor afiliado.
O Projeto Vaca Móvel é parceiro do Programa SEBRAEtec de Consultoria Tecnológica, e também da Clínica do Leite, mantido pela ESALQ/USP.

MS Leite – Projeto Apoio à Pecuária Leiteira no MS

Com o objetivo de colaborar com o desenvolvimento do produtor rural na atividade leiteira de forma integrada entre as instituições atuantes. (SEBRAE, SEPROTUR, AGRAER, SINDICATO RURAL, EMBRAPA, entre outras…)

O Estado do Mato Grosso do Sul está planejando ações estratégicas para a melhoria da produtividade e da qualidade do leite.

Serão trabalhados temas/ações, como:

  • Controles zootécnicos importantes;
  • Controle de receitas e despesas;
  • Controle de cios e coberturas;
  • Controle de parições;
  • Controle leiteiro;
  • Controle de pesagens dos animais jovens;
  • Fichas individuais dos animais;
  • Utilização das planilhas utilizadas no programa Balde Cheio

Qualidade do Leite

  • Higienização de equipamentos e utensílios;
  • Implantação de Boas Práticas de Produção;
  • Controle da Mastite Clínica e Subclínica;
  • Manutenção de equipamentos;
  • Pagamento por qualidade;
  • Manejo de ordenha;
  • Higiene pessoal;
  • Valor agregado;
  • CCS e CMT;

Projeto Maxileite

O Maxi-Leite é uma plataforma de soluções que se constitui em uma prestação de serviços diferenciada, focada na melhoria da qualidade e no aumento da produtividade.
O Maxi-Leite traz em seu conteúdo um mix de produtos e serviços criados para melhorar o rendimento dos rebanhos de leite. Com ele, o produtor tem a possibilidade de contar com diagnóstico de situação e monitoramento, análises laboratoriais, check-list de ordenha, planos de ações para prevenção ou correção de gargalos, treinamento de mão de obra e material para consulta.

Programa de Combate a Brucelose e Tuberculose

Certificação de Estabelecimentos de Criação Livre de Brucelose e Tuberculose
Instituído em 2001 pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), o Programa Nacional de Controle e Erradicação da Brucelose e Tuberculose Animal (PNCEBT) tem o objetivo de diminuir os impactos negativos das duas zoonoses na saúde pública e promover a competitividade da pecuária nacional.
Os objetivos específicos do Programa consistem em:
a) baixar a prevalência e a incidência de novos focos de brucelose e tuberculose;
b) criar um número significativo de propriedades certificadas como livres de brucelose e tuberculose ou monitoradas e que ofereçam ao consumidor produtos de baixo risco sanitário.

Qualidade

A Fazenda Fazendão possui o monitoramento mensal e individual das vacas na contagem de células somáticas (CCS) e a avaliação dos demais critérios de qualidade como proteína, CMT e sólidos totais, objetivando manter a produção de leite de alta qualidade, dentro dos padrões exigidos pelo consumidor. As análises são realizadas pela Vaca Móvel (Projeto LeiteMS) e no momento do Controle Leiteiro Oficial são coletados analises de leite individual das vacas que são enviadas para Clinica do Leite, em Piracibaca.

Um calendário sanitário é rigorosamente seguido, objetivando a proteção do plantel contra as principais doenças, como: febre aftosa, brucelose, clostridioses, leptospirose, hemofilose, IBR, BVD, diarréia neonatal entre outras.
O controle de carrapatos merece atenção especial. São feitos seis banhos carrapaticidas de forma estratégica. São realizados a cada 21 dias no início da estação chuvosa e depois visualmente, a fim de quebrar o ciclo do carrapato, além de diminuir a infestação nas pastagens.

A adoção de novas tecnologias caminha em paralelo com o respaldo de uma consultoria especializada. De nada adianta o produtor ter um avançado sistema de ordenha se ele não souber utilizá-lo ou higienizá-lo da forma mais adequada.

Assine nossa Newsletter

Arquivos

Usuários Online